Seja bem vindo
Petrópolis,20/07/2024

  • A +
  • A -
Publicidade

Coluna do Xirica

Brasil empata em 0x0 com a Costa Rica

Falta de precisão nas finalizações e ansiedade nos momentos decisivos marcam empate frustrante

Reprodução/ Facebook Página oficial da Confederação Brasileira de Futebol
Brasil empata em 0x0 com a Costa Rica

O Brasil  começou  tocando a bola , dominando o jogo, mas sem finalizar, muito preciosismo. Vini Jr perdendo bola no ataque na esquerda, errando os cruzamentos. Enquanto a Costa Rica jogava  fechada na defesa, saindo em velocidade  na roubada de bola. O jogador brasileiro se joga muito, qualquer contato físico  desaba. Aos 29', Vini Jr sofreu falta na esquerda, Paquetá bateu a meia altura na área, Rodrigo resvalou de cabeça, Marquinho chegou no segundo poste, escorou pro gol , mas o VAR mexicano invalidou o gol por impedimento. O Brasil terminou o primeiro tempo, chegando na intermediária, mas sem finalizar, igual no início, não conseguiu furar o bloqueio da forte defesa da Costa Rica.

Segundo tempo de jogo lá se vão 12', o Brasil continuou igual no primeiro tempo, buscando o jogo, mas sem finalizar e errando no último passe. A Costa Rica mantendo a mesma tática, na defesa, roubando a bola, saindo sem conseguir avançar. Dorival demorando pra mexer no time. Aos 17', Paquetá acertou o poste esquerdo do goleiro Sequera. Com 20' , o Brasil começou a cruzar bola na área do adversário.  Vini Jr continuou perdendo a bola no ataque. Dorival chamou pro jogo, Savinho e Endrick por volta dos 25', saindo Rafinha e Vini Jr, esse último não esteve bem. O Brasil pressionava, quase chega ao gol, mas sempre faltava alguma coisa. A Costa Rica muito recuada. 33', grande defesa do goleiro Sequera no chute de Militão. Savinho ficou de cara com o goleiro, tocou de lado a zaga espanou. 37' entrou no Brasil Gabriel Martinelli saindo João Gomes.

O Brasil ficou mais rápido com as mexidas , pressão total, uma verdadeira blitz, a Costa Rica se defendia como podia. Aos  41', Rodrigo dividiu  com o goleiro e  perde o ângulo. Aos 45', Savinho fez excelente jogada na área do lado esquerdo, rolou pro Bruno Guimarães na cara do gol que jogou por cima. Nesse final segundo tempo o Brasil, melhorou, ousou, foi pra dentro, desperdiçou várias oportunidades de gol. Enquanto a Costa Rica  conseguiu segurar o ímpeto da seleção brasileira, se propôs jogar na defesa e quando dava avançava, mesmo sem êxito, mas não levou gol e ganhou 1 ponto em cima do Brasil.



COMENTÁRIOS

LEIA TAMBÉM

Buscar

Alterar Local

Anuncie Aqui

Escolha abaixo onde deseja anunciar.

Efetue o Login

Recuperar Senha

Baixe o Nosso Aplicativo!

Tenha todas as novidades na palma da sua mão.