Seja bem vindo
Petrópolis,27/02/2024

  • A +
  • A -
Publicidade

70 milhões de consumidores vão investir média de R$ 75 no presente do amigo secreto

Tradição deve movimentar R$ 8 bilhões na economia


70 milhões de consumidores vão investir média de R$ 75 no presente do amigo secreto Reprodução/Ilustrativa

Há quem ame e quem tenha restrições quanto à brincadeira do amigo secreto, uma tradição de final de ano entre família, amigos e colegas de trabalho. Mas, quem participa concorda que é uma boa para o bolso. Segundo pesquisa conduzida pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) em conjunto com o Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e a Offerwise Pesquisas, 43% dos consumidores têm a intenção de participar do amigo secreto neste ano, representando uma estimativa de 70 milhões de participantes durante o período natalino. E a média de gastos com o presente do amigo oculto é de R$ 75.

Dentre os entusiastas da troca de presentes, 66% revelam seu apreço pela brincadeira, enquanto 34% a veem como uma maneira inteligente de presentear sem desembolsar grandes quantias, e 8% aderem à tradição para evitar serem percebidos como antissociais. Por outro lado, dos 40% que optam por não participar, 44% atribuem essa decisão à falta de costume entre familiares, amigos ou colegas, 36% declaram não apreciar a dinâmica do amigo secreto, e 17% apontam limitações financeiras.

“É uma tradição que foca mais no ‘estar junto’, na confraternização, do que no presente em si. Quem encara dessa maneira consegue equilibrar mais a expectativa do que recebe em relação ao que vai presentear. Para o comércio, além das compras tradicionais do Natal, a brincadeira é bem-vinda, movimentando a economia também não apenas nas lojas, mas nos estabelecimentos gastronômicos onde são realizados os encontros para a troca de presentes”, avalia o presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas de Petrópolis, Cláudio Mohammad.

Gasto médio de R$ 75

Os consumidores planejam participar, em média, de 1,4 eventos de amigo secreto, predominantemente entre familiares (73%), amigos (31%) e colegas de trabalho (29%). A expectativa é de um gasto médio de R$ 75 por presente, com a projeção de movimentar expressivos R$ 8 bilhões no varejo. A tradição, além de fortalecer laços afetivos, contribuirá significativamente para dinamizar o setor comercial neste período festivo.


A pesquisa abrangeu consumidores das 27 capitais brasileiras, homens e mulheres com 18 anos ou mais, de todas as classes econômicas (excluindo analfabetos) e que planejam comprar presentes de Natal. A coleta de dados foi realizada via web, sendo pós-ponderada por sexo, idade, estado, renda e escolaridade. O tamanho amostral totalizou 755 casos, com uma margem de erro de 3,6 pontos percentuais no geral e 3,9 pontos percentuais para um intervalo de confiança de 95%. A coleta dos dados ocorreu no período de 19 a 27 de outubro de 2023.

Publicidade



COMENTÁRIOS

Buscar

Alterar Local

Anuncie Aqui

Escolha abaixo onde deseja anunciar.

Efetue o Login

Recuperar Senha

Baixe o Nosso Aplicativo!

Tenha todas as novidades na palma da sua mão.