Seja bem vindo
Petrópolis,26/02/2024

  • A +
  • A -
Publicidade

Morrem 13 estudantes na China após incêndio em dormitório escolar

O local funciona como um internato e atende o público infantil que mora em áreas rurais. O diretor da instituição foi levado pelas autoridades para prestar explicações sobre o ocorrido.


Morrem 13 estudantes na China após incêndio em dormitório escolar Foto: Xinhua

Um incêndio em um dormitório escolar deixou 13 crianças mortas e uma outra ferida na China, no último sábado (20). As informações são da agência de notícias estatal Xinhua. Os veículos de informação do país asiático afirmaram que as vítimas são estudantes do terceiro ano do ensino primário. No geral, crianças desta fase têm cerca de 9 anos de idade.

O incidente aconteceu no fim da noite de sexta-feira (19), em uma instituição que fica na província de Henan, região central da China. Segundo a imprensa local, a escola funciona como um internato privado, possuindo atendimento desde o jardim de infância ao ensino primário. A maior parte dos alunos são crianças que moram em áreas rurais.

As crianças costumam voltar para suas casas em intervalos quinzenais. Todavia, segundo a imprensa chinesa, populares que testemunharam o acontecimento falaram que este não era um dos fins de semana de folga. Após serem acionados, o corpo de bombeiros chegou ao local rapidamente, e controlaram as chamas de forma imediata. O diretor da escola foi conduzido por autoridades para prestar esclarecimentos sobre o caso.

O Ministério das Relações Exteriores do Brasil (MRE), se manifestou na noite de ontem (25), através de uma nota oficial após a repercussão do caso.

“O governo brasileiro tomou conhecimento, com pesar, de incêndio em edifício comercial ocorrido em 24 de janeiro, na cidade de Xinyushi, província de Jiangxi, no sudeste da China. Não há notícia de brasileiros afetados. Ao expressar condolências às famílias das vítimas, o governo brasileiro transmite sua solidariedade ao governo e ao povo da República Popular da China e faz votos de plena recuperação aos feridos.” - disse em nota o MRE.

As causas do incêndio ainda estão sendo investigadas.

Publicidade



COMENTÁRIOS

Buscar

Alterar Local

Anuncie Aqui

Escolha abaixo onde deseja anunciar.

Efetue o Login

Recuperar Senha

Baixe o Nosso Aplicativo!

Tenha todas as novidades na palma da sua mão.